07/12/2018
Escrito por ABIA

Feira ANUFOOD provocará mudança de paradigma no setor de alimentos do país, afirma ex-ministro

Para Roberto Rodrigues, ex-ministro da Agricultura,  todo o setor de alimentos e agropecuário ganhará com a realização da maior feira de alimentos do mundo no Brasil

A realização da ANUFOOD Brazil – Feira Internacional Exclusiva para Alimentos e Bebidas representará uma mudança de paradigma para o setor de alimentos do país. A opinião é do ex-ministro Roberto Rodrigues, coordenador do GV-Agro (Centro de Agronegócios da FGV – Fundação Getúlio Vargas) que falou para empresários do ramo alimentício durante evento organizado pela Abia (Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação) e a Koelnmesse, realizadora da feira. A ANUFOOD Brazil é a versão nacional da Anuga, maior feira de alimentos do mundo, que acontece na Alemanha.

Rodrigues lembrou que o setor agropecuário brasileiro é reconhecido internacionalmente pelo seu grande potencial, mas perde espaço devido à sua incapacidade de desenvolver uma comunicação adequada. “Isso muda com a realização de uma feira aos moldes do maior evento do setor realizado na Alemanha, a Anuga”, afirmou.

Para João Dornellas, presidente executivo da Abia, o Brasil precisava de um evento exclusivo voltado para toda a cadeia de alimentos. “Por isso, consideramos que essa parceria é estratégica. A confiança que a associação construiu junto ao setor e aos consumidores se reafirmará com a realização da maior feira de alimentos do mundo no país, no caso a ANUFOOD”.

As indústrias de alimentos e bebidas processam 58% de toda a produção agropecuária do País e representam o maior setor da indústria da transformação brasileira. É também o maior gerador de empregos: 1,6 milhão de postos diretos de trabalho em mais de 35 mil empresas.

Cassiano Facchinetti, diretor da Koelnmesse do Brasil, lembrou que a intenção é que os empresários do setor “utilizem da ANUFOOD como palco para conversar com seus clientes e gerar negócios”. “Levamos anos de pesquisa, conversas com empresários, para concluirmos que o Brasil necessitava de uma feira que reunisse todos os segmentos e pudesse trazer também compradores de países vizinhos. Então, decidimos fechar essa lacuna e oferecer um evento abrangente”, afirmou.

Raul Amaral Rego, diretor do Ital (Instituto de Tecnologia de Alimentos), vinculado à Secretaria de Agricultura do Governo de São Paulo, parceiro e apoiador da ANUFOOD Brazil, lembrou que o atributo da saudabilidade ganha cada vez mais terreno como critério de tomada de decisão para o consumidor. “A ANUFOOD será importante para desmitificar algumas informações erradas sobre o consumo de alimentos industrializados”, afirmou.

Um total de dez associações ligadas à indústria de alimentos e bebidas já assinaram contrato para estarem presentes na feira. Além da Abia e do ITAL, já confirmaram presesntça a OCB (Organização das Cooperativas Brasileiras), ABIEC (Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes), ABIMAPI (Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados), ABIR (Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e de Bebidas Não Alcoólicas), ABPA (Associação Brasileira de Proteína Animal), ÚNICA (União da Indústria de Cana-de-Açúcar), ABIC (Associação Brasileira da Indústria de Café), ABICAB (Associação Brasileira da Indústria de Chocolates, Cacau, Amendoim, Balas e derivados), Abrasel  (Associação Brasileira de Bares e Restaurantes) e ANR (Associação Nacional de Restaurantes).