Bebidas
Britvic, dona da Maguary, amplia linha para criança

A empresa Britvic, dona da marca Maguary, deve ampliar seu portfólio de sucos comercializados no Brasil. O objetivo da companhia é aumentar a linha de produtos para o público infantil, pois o segmento representa cerca de 10% de suas vendas no país, e é a categoria que mais cresce em consumo.

veja mais

Cervejarias tentam impulsionar vendas de marcas mais populares

As principais cervejarias do país estão mudando suas estratégias para impulsionar as vendas de cerveja da categoria pilsen. Uma das iniciativas adotadas é a reformulação das embalagens. Segundo dados da Sicobe (Sistema de Controle de Produção de Bebidas) a produção da bebida recuou 3,2% entre janeiro e abril deste ano.

veja mais

Coca-Cola lança no Brasil refrigerante com estévia e 50% menos açúcar

A Coca-Cola vai lançar um refrigerante com 50% menos açúcar e com estévia, um adoçante natural. O produto é comercializado em outros 25 países, mas no Brasil, a Coca-Cola verde (nome dado à nova bebida) vai ter uma fórmula adaptada para o paladar do brasileiro. A companhia não revela qual foi a modificação feita no produto nem o volume dos recursos investidos em seu desenvolvimento.

veja mais

Ambev aposta no mercado de sucos e compra marca Do Bem

A Ambev comprou parte da empresa Do Bem, fabricante de bebidas com apelo saudável, e que isso deve projetar a companhia para o segmento de sucos, que tem crescido no país. A estratégia também contribui para alavancar as vendas da empresa, tendo em vista o recuo da comercialização de refrigerantes.

veja mais

Produção de cerveja cai 18% em março no Brasil

A produção de cerveja em março deste ano recuou 17,9% em comparação ao mesmo mês de 2015, já o acumulado do primeiro trimestre registrou queda de 6,6%. Fatores como a alta da inflação e o aumento do desemprego impulsionaram o desempenho do setor

veja mais

A Ambev de olho

Ambev pretende investir no segmento de sucos naturais por meio de aquisições, para ampliar o seu mercado de atuação. A empresa está negociando a compra da fabricante Do Bem, que produz bebidas com apelo natural.

veja mais

Lucro da Heineken cresce 25% e receita chega a 20,5 bilhões de euros

A Heineken encerrou 2015 com aumento de 24,8% no lucro líquido, em comparação com o ano anterior, devido o crescimento nas vendas em todas as áreas em que a empresa atua, e também na sua participação em mercados chaves, como o Brasil, que ampliou cerca de 9% o volume das vendas, resultado proveniente da demanda aquecida por cervejas especiais.

veja mais


<
>